Quais os tipos de serviços hospitalares para adultos?

Os avanços da medicina permitem que, atualmente, seja possível realizar uma série de procedimentos completamente seguros.

E não-invasivos capazes de revelar diversos tipos de informações sobre nosso organismo e, com isso, auxiliar diretamente no monitoramento de nossa saúde.

Por isso, é fundamental procurar um médico especialista sempre que necessário para que ele possa indicar os exames mais corretos e adequados a serem feitos em busca de um diagnóstico e mesmo durante o processo de tratamento.

No artigo que você acompanha logo em seguida, fique por dentro de como funcionam as famosas tomografias, procedimentos de elevada tecnologia que são muito realizados em todo o mundo nos dias de hoje.

Além disso, confira mais sobre os benefícios do tratamento psicológico e como esse tipo de ajuda pode fazer toda a diferença.

Tomografia

A tomografia é um exame capaz e apontar uma série de informações sobre o corpo a partir de uma leitura que pode ser interpretada em três diferentes pontos de vista:

O ortogonal, ou seja, na forma de camadas, o vertical e o horizontal. Com isso, é possível apontar desde o surgimento de uma pequena fratura até a presença de tumores.

A chamada tomografia computadorizada, também conhecida pela abreviação TAC, é uma forma ainda mais moderna de garantir a obtenção de resultados comprometidos com o máximo desempenho de precisão.

No caso de uma dor nas costas, por exemplo, o médico especialista pode contar com o auxílio de um TC de coluna, o que será bastante útil para determinadas informações importantes sobre a região observada.

Existem diferentes tipos de TC de coluna e elas podem ser divididas nos seguintes grupos:

  • TC de coluna cervical
  • TC de coluna dorsal
  • TC de coluna lombar
  • TC de coluna lombosagrada

Isso porque esse tipo de exame pode ser feito com diferentes finalidade. Seu auxílio pode ser fundamental para apontar uma série de patologias (doenças)

E até mesmo hérnias de disco, artrose na coluna, estenose vertebral entre outras complicações que podem atingir essa área do corpo com a idade ou mesmo por fatores externos, genéticos, etc.

A Tomografia cervical é direcionada para a avaliação da região cervical da coluna, que compreende o total de sete vértebras (sendo elas da C1 à C7).

A de coluna dorsal, por sua vez, incide diretamente sobre a direção torácica, que são 12 vértebras (da T1 a T12), enquanto a lombosagrada avalia a região do lombo sacra, compreendido por quatro ou cinco vértebras (S1 a S5).

A Tomografia da coluna lombar, por fim, é direcionada às cinco vértebras compreendidas entre a L1 e a L5, o que fica na região conhecida como lombar. As tomografias, no geral, são realizadas em diversos casos, sendo alguns deles:

  • Dores na coluna e nas costas
  • Dores de cabeça
  • Parestesias
  • Desvios de coluna
  • Tonturas
  • Vertigens

Além disso, febre e parrésia (que é a falta de força para se movimentar) são outros sintomas que podem ser melhor avaliados por meio desse tipo de exame.

É sempre importante consultar especialistas e centros de saúde devidamente habilitados para a realização de uma tomografia efetiva, confiável e segura.

Tratamento psicológico

O número de pessoas que recorrem a um psicologo nos dias de hoje é muito maior do que há dez anos.

Segundo especialistas, a tendência é aumentar, por motivos como o aceleramento do ritmo de vida, gerando estresse, e a busca por se conhecer de forma cada vez mais profunda.

Dessa forma, é importante salientar a extensa lista de benefícios promovidos por esse tipo de tratamento, que só tem a ajudar as pessoas a lidarem com uma série de demandas, situações e emoções que fazem parte do cotidiano.

terapia é recomendada por muitos profissionais da saúde e pode ser realizada com pessoas em diferentes idades, especialmente na fase adulta.

Entre as principais vantagens, podemos destacar:

  • Promoção do autoconhecimento
  • Auxílio na busca por motivação
  • Melhoria dos relacionamentos
  • Tratamento correto de fobias

É fundamental, durante a Consulta com psicólogo, que o paciente se sinta à vontade para falar sobre o que sente, pois isso vai ajudar o profissional a entender o que pode estar acontecendo e refletir sobre a melhor forma de lidar com a situação.

O mais importante é estar sempre atento para o corpo e para a mente, observando quando há a necessidade de realizar alguns exames específicos, começar eliminar um hábito prejudicial ou mesmo começar a se cuidar com mais consciência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *