Tudo o que você precisa saber sobre depilação a laser

Quando se trata de remover pelos do corpo, você tem várias opções de depilação —- e você vai querer considerar todas antes de tomar uma decisão. Você pode raspar tudo rapidamente, mas o cabelo cresce em questão de dias.

Cremes depilatórios dissolvem o pelo em minutos, mas eles têm uma tendência a ter um cheiro muito forte. Se você quiser uma depilação mais completa, considere aplicar cera quente.

O pelo não volta a crescer por várias semanas, mas a depilação é um processo doloroso, e coça bastante quando os fios estão nascendo.

Existem opções mais duradouras, como a eletrólise. A eletrólise usa uma agulha super fina inserida em cada folículo capilar para enviar uma corrente elétrica que mata o folículo piloso. Sim, esse é um processo bastante doloroso.

Isso nos leva à depilação a laser sem dor, uma opção popular de depilação semipermanente que danifica o folículo piloso para minimizar o crescimento do cabelo. O laser detecta o cabelo exclusivamente, concentrando-se nas células pigmentares que residem no folículo piloso.

Uma vez que a melanina no cabelo é direcionada, o laser queima todo o caminho até o folículo piloso e raiz. Depois de algumas sessões, você pode jogar fora sua navalha e cancelar seus horários de depilação.

Mas antes de se inscrever para a sua primeira sessão (que será uma de muitas) em uma clínica de drenagem linfatica, conheça os prós da depilação a laser.

Alguns benefícios são:

  • Tem um nível moderado de dor;
  • Tem efeitos colaterais mínimos;
  • Economicamente viável;
  • Sem pelos encravados;
  • Os pelos demoram para crescer novamente;
  • É preciso, rápido e eficaz.

Quais são os profissionais?

Embora a depilação a laser não elimine o pelo para sempre, ela reduz drasticamente o crescimento dele — a tal ponto que você pode parar de se barbear completamente.

Você pode fazê-lo em qualquer lugar do corpo, sendo que a máquina pode cobrir grandes extensões rapidamente. Pernas, costas, axilas, linha do biquíni, barriga, rosto. Não há limite para os locais onde você pode fazer a depilação a laser.

Esportistas também se interessam pelo procedimento, principalmente aqueles que fazem natação competitiva e que receberam indicação do endocrinologista esportivo.

Quando se trata de nível de dor, depilação a laser cai em algum lugar entre o barbear (sem dor) e depilação (muita dor). Os técnicos usam gelo para ajudar a anestesiar a área antes e depois do tratamento com laser.

A região da aplicação também fica progressivamente menos dolorosa à medida que os tratamentos continuam e o pelo fica mais fino.

Mais informações sobre o procedimento

O processo a laser é longo – necessitando de várias sessões -, porém uma sessão de depilação a laser nas axilas, por exemplo, leva menos de um minuto.

Importante ressaltar, que este procedimento é um ótimo investimento estético, dessa forma, contando com uma ótima relação custo-benefício

Além disso, o contraste entre a cor da pele e a cor do pigmento no folículo capilar é o que permite que o laser escolha facilmente o alvo, a depilação a laser funciona melhor na pele clara com cabelos escuros, porém todos podem utilizar esta ténica.

Em pacientes com tons de pele mais escuros, a pele rica em pigmento compete com o folículo capilar pela atenção do laser.

Isso não significa que não seja possível para tipos de pele mais escuros, mas você deve garantir os lasers, como o Nd:YAG, que são melhores para distinguir entre cabelo e pele, em todos os tipos de pele.

Se feito por um técnico não treinado, a depilação a laser pode deixar queimaduras ou cicatrizes na pele. Infelizmente, os procedimentos de licenciamento variam de cidade para cidade e, às vezes, não há requisitos.

Por isso, a pesquisa sobre a clinica de estetica onde você vai fazer o procedimento é importante.

Cuidado com os “centros de laser” e certifique-se de perguntar onde seu técnico de laser foi certificado para fazer o procedimento.

Mesmo o médico, que certamente não é um médico traumatologista, que quer fornecer tratamentos de remoção de pelos a laser precisam de mais treinamento.

O tratamento com laser não é ensinado na faculdade de medicina, por isso os médicos que realizam tratamentos a laser também precisam de treinamento e certificação, além de somente dar dicas de saude sobre os cuidados com a pele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *